Search
  • Ernesto Araújo

Um registro

Quero aqui agradecer e enaltecer as altas chefias do Itamaraty por seu compromisso com a liberdade de expressão e com o pluralismo, que me dá a oportunidade de compartilhar estas reflexões.


Não sei se esses princípios sobreviverão se o PT “tomar o poder”.


Dizia Simone de Beauvoir, pensadora marxista francesa, num texto de 1955: “A verdade é única, apenas o erro é múltiplo. Não é por acaso que a direita professa o pluralismo.”*


De fato, não é por acaso. A verdade pode ser única, mas precisamos da liberdade de errar para tentar encontrá-la. Isso exige que jamais deixemos chegar ao poder um partido que use o nome sagrado da verdade para oprimir e totalizar. Diz o Cristo: "Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará." Verdade e liberdade são indissociáveis. Não é por acaso que a esquerda as quer separar, para poder destruí-las a ambas.


*“La vérité est une, seule l’erreur est multiple. Ce n’est pas un hasard si la droite professe le pluralisme.” Publicado na revista Les Temps Modernes, no. 109 a 115.

1,045 views2 comments

© 2023 by The Book Lover. Proudly created with Wix.com